terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Aloé arborescens

18-01-2013
Nome científico: Aloe arborescens
Nomes comuns: Aloé, aloé-do-natal, foguete-de-natal, aloé-candelabro, falso-aloé, babosa (no Brasil)
Família: Xanthorrhoeaceae (Subfamília: Asphodeloideae)
Origem: África meridional (África do Sul a Moçambique e Zimbabué)

O aloé arborescens é uma planta suculenta, de porte arbustivo e com um ciclo de vida perene. É muito ramificada e pode atingir entre 0,5 a 3 metros de altura. O seu caule possui com base lenhosa. As suas folhas apresentam-se dispostas em roseta e são longas, carnudas, de cor verdes com uma ligeira coloração azulada e com margens denteados por pequenos picos. Quando cortadas, as folhas apresentam uma seiva transparente (como um gel). A sua floração acontece durante o inverno. A sua inflorescência é uma haste basal, com flores tubulosas laranjo-avermelhadas dispostas em cacho. Os cachos não são ramificados, mas podem nascer dois ou mais de cada roseta. Os seus frutos são do tipo cápsula.

15-12-2012
Cultivo: Esta planta adaptou a muitos habitats diferentes, mas no seu habitat natural pode ser encontrada em áreas montanhosas, incluindo afloramentos rochosos e cumes expostos. Deve ser cultivada sob sol pleno ou meia-sombra. O solo deve ser drenável. Este aloé apresenta um crescimento moderado a rápido e depois de estabelecido necessita de pouca manutenção e não requer cuidados adicionais. Pode tolerar condições extremas como estiagem ou solos inférteis. Multiplica-se, facilmente, por separação das plantas jovens que nascem em torno da planta mãe, assim como através de estacas de folhas ou caules.

Propriedades e utilizações: O aloé arborescens é referido como uma das quatro principais espécies utilizadas medicinalmente, sendo uma das espécies preferidas para a produção do “gel de aloé” que acelera a cicatrização de feridas abertas, cortes e arranhões. Logo, pode ser uma opção para o tratamento de queimaduras (é excelente para o tratamento de queimaduras solares), irritações e abrasões da pele.
É utilizada frequentemente em parques e jardins na formação de maciços densos, conjuntos com outras plantas e como sebes vivas defensivas. É uma planta indicada especialmente para jardins rochosos ou áridos.
Tal como acontece com todos os aloés, as suas flores vistosas produzem néctar e são atraentes para muitos tipos de aves, atraindo também abelhas e borboletas.

13-01-2014
28-11-2013
28-11-2013
Curiosidades: O aloé arborescens é uma das muitas espécies de Aloé; A designação Aloe tem origem no árabe, alloe, que significa amargo; O nome da espécie, arborescens, tem origem no latim e significa “com a forma de uma árvore”; Apesar disso, esta planta nunca assume o formato de uma árvore, apresentando-se apenas como um maciço de plantas em que os rebentos mais novos vão empurrando os mais velhos; Popularmente é conhecido por aloé-do-natal, pois a sua floração ocorre durante este período do ano; No Brasil, o seu nome comum é babosa, relacionando-se com as suas folhas suculentas que, quando cortadas, produzem uma substância viscosa (como grande parte dos aloés); Devido aos constantes estudos e seus resultados, a família dos Aloe mudou algumas vezes, tendo sido colocados na família Aloeaceae, Liliaceae e Asphodelaceae, antes de sua família atual, Xanthorrhoeaceae; Consta que só depois desta planta ter sido usada para tratar queimaduras de irradiação nas vítimas de Hiroxima é que as suas propriedades chamaram a atenção no Ocidente; O aloé arborescens hibrida facilmente com outros aloés.

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...