quinta-feira, 7 de março de 2013

Camélia

14-02-2013
Nome científico: Camellia japonica
Sinonímia: Thea japonica
Nomes comuns: Camélia, Japoneira
Família: Theaceae
Origem: Ásia, nomeadamente China, Coreia e Japão

A camélia é um arbusto perene, mas pode ser conduzida/podada para formar uma arvoreta. Possui um tronco lenhoso e a sua folhagem é brilhante, densa e permanente. As suas folhas são verdes, elípticas, cerosas e coriáceas, serrilhadas ou denteadas. As suas flores solitárias podem ser de diversos tipos, dependendo da variedade. Assim, podemos ter flores grandes ou pequenas, simples ou dobradas, de diversas cores, sendo que as mais comuns são as brancas, as róseas e as vermelhas. Os seus frutos são cápsulas secas e esféricas do tamanho de ameixas, com três sementes.
É uma planta ornamental que pode ser usada isoladamente, em maciços e em sebes. É muito apreciada pela sua beleza e também devido à sua floração invernal, altura em que outras plantas estão em dormência.

Cultivo: Deve ser cultivada à meia-sombra ou sob sol pleno. Aprecia solos ácidos, férteis e bem irrigados. Não se adapta a climas demasiado quentes e tolera geadas e neve, mas é sensível ao vento frio e forte. Multiplica-se por sementes e, mais facilmente, por estacas.

01-12-2011
01-12-2011
Utilizações: A camélia é conhecida como planta ornamental, mas existem referências ao seu consumo na cozinha oriental: das suas sementes é extraído um óleo alimentar, o "óleo tsubaki"; as suas flores são utilizadas, secas e cozinhadas, em pratos de arroz; as suas folhas são utilizadas para infusões, tal como as da sua parente mais conhecida, Camellia sinensis, a planta do chá; podemos confecionar compotas de camélia, tartes, criar licores triturando as pétalas.
O óleo das sementes é, ainda, utilizado como lubrificante para iluminação de candeeiros e também para cosméticos, uma vez que protege, nutre e hidrata a pele e o cabelo. As pétalas das suas flores (vermelhas e rosas) têm sido usadas em tinturaria para obter um corante em tom de verde. O seu uso medicinal encontra-se em estudo. As suas flores são boas flores de corte e podem durar vários dias, desde que não se toque nas pétalas. A sua folhagem é igualmente utilizada em arranjos florais.
15-12-2012
13-08-2012
17-11-2012

Curiosidades: Da mesma família da planta do chá (Camellia sinensis), a camélia (Camellia japonica) apresenta inúmeras variedades e híbridos; É a flor inspiradora do romance “A Dama das Camélias”, de Alexandre Dumas Filho; A tradição popular fala de uma antiga rivalidade entre a rosa e a camélia por, a primeira, ser tão perfumada mas terrivelmente espinhosa e, a segunda, ser meiga mas ter um cheiro quase inexistente. 
18-01-2013

3 comentários:

  1. Também tenho uma...Floriu todos os anos excepto este...Se calhar já está no final da vida...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Ivan,
      Esperemos que não seja esse o caso... e que para o ano floresça novamente!

      Um abraço

      Eliminar
  2. Boas
    A minha Camelia ou Japoneira
    Está em flor e hoje foi dia de apanhar as flores que cairam esta noite
    Dois cestos de plastico
    Não é muito grande, cobre apenas 96m2

    ResponderEliminar

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...