terça-feira, 23 de outubro de 2012

Visitantes: Sapo de Unha Negra

21-10-2012
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Amphibia
Ordem: Anura
Família: Pelobatidae
Nome científico: Pelobates cultripes
Nome comum: Sapo-de-unha-negra

Não é fácil tentar convencer as pessoas de que estão erradas, principalmente quando estamos a falar de crenças populares. Em Portugal, ainda há muita gente que acredita que os sapos são peçonhentos e que nos fazem mal….
21-10-2012
Temos, realmente, de acabar com estas dúvidas (ou faltas de informação), pois tornam-se mais prejudiciais para nós do que os sapos!

Após as recentes chuvas, o meu pequeno charco (que inicialmente não tinha esse objetivo) encheu-se de sapos… vieram acasalar e deixar os seus ovos.
Travei uma luta com as pessoas mais velhas que me rodeiam para que os sapos permanecessem vivos, pois acreditavam que era uma espécie diferente e perigosa. Com a excelente e rápida resposta disponibilizada por Vasco Cruz do blog Anfíbios e Répteis de Portugal   sei agora identificar a espécie e continuar a minha luta, ainda com mais convicção!
21-10-2012
Eis a informação que recebi: “Os sapos que lhe apareceram no jardim são Sapos-de-unha-negra (Pelobates cultripes). São animais típicos de solos suaves pois para se esconderem (para estivar, hibernar ou refugiar-se durante o dia) enterram-se no solo.
São animais completamente inofensivos, não são venenosos nem produzem qualquer substância que possa prejudicar as pessoas e são muito importantes para os ecossistemas. Em primeiro lugar são a segunda espécie de sapo maior que existe em Portugal (quanto maior for o sapo mais invertebrados come e maior impacto tem no controlo de pragas para a agricultura) por outro lado cada cordão de ovos que tem no seu charco é composto por mais de 1000 ovos. 
21-10-2012
Se nascerem 1000 sapos de cada cordão e se continuassem a reproduzir-se, em poucos anos a sua terra ficaria coberta de sapos e isso só não acontece porque os sapos são importantes como alimento para um sem número de predadores! Esses sapinhos podem servir de alimento a ouriços-cacheiros, raposas, doninhas, fuinhas, martas, genetas, lontras, javalis, garças, cegonhas, algumas aves de rapina, cobras etc, etc!”
21-10-2012

Assim, partilho esta experiência encantadora de como a construção de um simples charco pode ser tão importante para atrair a biodiversidade para as nossas casas.
Se antes queria os sapos na minha horta e jardim, agora ainda os quero mais!



21-10-2012
21-10-2012

2 comentários:

  1. Que espécie tão interessante! No meu pequeno ecossistema, que inclui um lago, aparecem varios tipos de rãs e sapos, mas esta espécie ainda não vi por lá. Em contrapartida tenho dezenas de relas que mostram grande preferencia pelas portadas das janelas da casa que são de madeira! Lagartixas nem se fala, mas eu adoro-as, são as minhas ajudantes no combate a insetos nocivos na horta e no jardim. Este ano, para meu desgosto as lagartixas desapareceram e só vim a descobrir mais tarde que serviam de alimento a uma cobra de razoavel tamanho que entretanto, esgotada a despensa foi fazer pela vida por outras bandas. Desde que esta "senhora" foi passear para outros lados recomecei a ver lagartixas, todas ainda muito pequeninas. Mas o que eu gosto mais de ver são uns lagartos cinzentos com facis verde alface e azul brilhante que gostam de tomar banhos de sol na beira do lago.
    A natureza é linda e todos têm o seu lugar. Concordo consigo, é preciso respeitar os outros habitantes do planeta, sejam eles de que tamanho forem pois sem uns não existem os outros.
    Saudações ecológicas
    Fernanda / Flores do Areal

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Fernanda,

      É com grande satisfação que recebo estes encantadores sapos no meu jardim... agora muitos já se foram esconder, deixando na água os cordões de ovos!
      O seu pequeno ecossistema é interessante e já parece ser bastante diversificado. Eu ainda tenho um longo caminho pela frente para conseguir alguma biodiversidade no meu jardim... mas o que interessa é fazer o que está ao nosso alcance, mesmo que seja pouco!!
      Um abraço

      Eliminar

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...