sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Batata-doce

14-08-2012

Nome científico: Ipomoea batatas
Sinonímia: Convolvulus batatas
Nome comum: batata-doce
Família: Convolvulaceae

A batata-doce é uma planta herbácea, rasteira e bastante ramificada. Possui um ciclo de vida perene, no entanto é cultivada como anual. As suas folhas, formadas ao longo dos ramos, são normalmente grandes e cordiformes, podendo ser inteiras ou recortadas, de acordo com as variedades. As suas flores são campanuladas seguidas de pequenos frutos em forma de cápsula. As suas raízes alongadas tornam-se carnudas e apresentam-se como tubérculos comestíveis, mais ou menos desenvolvidos.
25-06-2012

Cultivo: Deve ser cultivada num local ensolarado, num solo enriquecido com humidade elevada e constante. A batata-doce reproduz-se a partir de estacas colhidas num pé que se conservou (a própria batata-doce costuma brotar quando se coloca num recipiente com água). Contudo, é mais simples plantar um tubérculo (no início da primavera), do qual se cortarão as estacas que se plantarão mais tarde.
A aplicação de fertilizantes deve ser mínima, pois o excesso de adubação azotada provoca um desenvolvimento vegetativo exagerado, prejudicando a produção de raízes. O ideal será utilizar a rotação de culturas e plantar as batatas-doces num canteiro que já tenha recebido adubação na cultura anterior e evitar, também, o seu plantio após cultura de leguminosas.
A cultura das batatas-doces demora cerca de 5 meses. Durante esse tempo, devemos efetuar mondas e regas frequentes, podendo realizar uma amontoa. A colheita deve ser feita em tempo seco, deixando-as secar ao sol e guardando-as em local escuro e ao abrigo da humidade.
03-07-2012
12-11-2012
25-10-2012

Utilizações: As batatas-doces são utilizadas da mesma forma que as batatas comuns, ou seja, podem ser cozidas, assadas ou fritas. São mais nutritivas (ricas em vitaminas). Possuem açúcar, o que confere um gosto adocicado e uma consistência diferente aos pratos. Assim, podemos utilizar estes tubérculos no preparo de pratos salgados, doces e aperitivos, fécula, farinha e também na alimentação animal (como componente para rações de bovinos e suínos, na forma natural picada ou na forma de farinha seca).
12-11-2012
Adicionar legenda
As suas folhas e rebentos também são comestíveis (após um breve cozimento). A rama (parte aérea da planta) também é aproveitada para forragem, em especial, porcos e vacas.

Curiosidades: Existem muitas variedades de batata-doce, que se distinguem pela cor (branca, amarela, vermelha…), pelo tamanho e pela sua qualidade; Foi realizado um estudo, que afirma que a atividade antioxidante da batata-doce de cor roxa é superior à do mirtilo; Os indianos acreditam que o pudim feito de batata-doce é afrodisíaco; A batata-doce pertence ao género da invasiva Ipomoea indica e da ornamental Ipomoea purpurea.

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...